IATA solicita suspensão global das regras de slot devido ao COVID-19

Crise teve um forte impacto no tráfego aéreo e as empresas aéreas estão passando por sérios declínios na demanda

A Associação Internacional de Transporte Aéreo está entrando em contato com os reguladores da aviação em todo o mundo para solicitar que as regras que regem o uso de horários nos aeroportos sejam suspensas imediatamente para a temporada 2020, devido ao impacto do COVID-19. Atualmente, cerca de 43% de todos os passageiros partem de mais de 200 aeroportos coordenados por faixas horárias em todo o mundo. As regras para a alocação de slots significam que as companhias aéreas devem operar pelo menos 80% dos horários determinados em circunstâncias normais. O não cumprimento significa que a transportadora perde seu direito ao slot na próxima temporada equivalente. Em circunstâncias excepcionais, os reguladores podem relaxar esse requisito. A crise do COVID-19 teve um forte impacto no tráfego aéreo e as empresas aéreas estão passando por sérios declínios na demanda. Dada essa situação extraordinária como resultado da emergência de saúde pública, a visão coletiva do setor aéreo é que a aplicação da regra dos 80% durante a próxima temporada é inadequada. É necessária flexibilidade para as operadoras ajustarem seus horários de acordo com desenvolvimento da demanda. Os reguladores já renunciaram às regras de slots durante a crise principalmente para operações na China e na região de Hong Kong. No entanto, dados os novos surtos recentes, isso não está mais contido nos mercados da Ásia. Sem certeza de que essas isenções continuarão durante a temporada, as companhias não podem planejar com antecedência suficiente para garantir a lista eficiente da tripulação ou a introdução de aeronaves. Suspender o requisito para toda a temporada até outubro de 2020 significará que as transportadoras poderão responder às condições do mercado com níveis de capacidade adequados, evitando a necessidade de executar serviços sem passageiros para manter os slots. As aeronaves podem ser realocadas para outras rotas ou estacionadas. Mais informações no portal www.iata.org.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vamos conversar?
Precisando de ajuda?
Olá, podemos ajudar?